Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2017

ESTRANHAS ESTRUTURAS NO MEIO DO DESERTO SÃO ENCONTRADAS NA ARÁBIA SAUDITA

Com a ajuda de imagens de satélite do Google Earth, um grupo de arqueólogos identificou, em uma região árida da Arábia Saudita, cerca de 400 estruturas de pedra nunca vistas antes pelos cientistas. Elas ficam no oeste do país, em uma localidade chamada Harrat Khaybar — conhecida por grandes extensões de areia, cascalho, campos de lava decorrentes de atividade vulcânica e, sobretudo, seu isolamento geográfico. Estudos preliminares feitos pelos arqueólogos indicam que as estruturas, chamadas de “portões”, datam de 7 mil anos atrás e diferem umas das outras. Algumas têm múltiplas paredes de pedra em forma retangular, e outras possuem somente uma parede e apresentam detalhes distintos nas beiradas. Enquanto escavações não são feitas na região, muitas especulações vêm deixando a comunidade científica com a pulga atrás da orelha. Para David Kennedy, professor da Universidade da Austrália Ocidental e um dos responsáveis pela investigação, as intrigantes formações — que possuem entre 13 e 518 m…

Vídeo de cérebro “fresco” mostra como sua consistência é sensível

A Universidade de Neurociência de Utah, nos Estados Unidos, publicou em 2013 um vídeo no YouTube de um cérebro recém retirado de uma autopsia. Segundo a instituição, a proposta foi aumentar o acesso e entendimento dos alunos a cérebros “frescos”, visto que muitos laboratórios de ensino apenas possuem órgãos preservados, modelos artificiais e imagens. “Estudantes tendem a pensar na consistência do cérebro como uma bola de borracha”, disse Suzanne Stensaas, professora e neuroanatomista. “Todavia, se você é um cirurgião de trauma ou neurocirurgião, você perecebe que o cérebro é bem macio, e mais vulnerável do que parece.” Para exemplificar, Stensaas falou que o cérebro é muito mais macio e suave que a carne que encontramos no mercado. A faculdade ainda declarou que a intenção do vídeo foi “ressaltar a vulnerabilidade do cérebro para destacar a importância de usar capacetes, cintos de segurança e de cuidar do órgão”. O cérebro mostrado pesa 1,4 kg e pertenceu a uma pessoa que morreu de c…

Highlander: depois de tiros, espancamento e enterro, rapaz foge da cova

Uma história pra lá de absurda e sinistra aconteceu na Região Metropolitana de Belo Horizonte (MG): um jovem de 17 anos foi espancado com pauladas na cabeça, levou dois tiros, perdeu um olho, foi enterrado em uma cova, mas, mesmo assim, conseguiu sair de lá e caminhar até uma rodovia, onde, por fim, caiu desacordado. Ele acabou sendo encontrado por moradores, que chamaram o socorro e conseguiram salvar a vida do garoto, que, após se recuperar de todos esses traumas – ele teve que escavar a cova com as próprias mãos para fugir – entregou seus agressores. Sérgio Costa da Silva, de 24 anos, e Carlos Vinícius dos Santos Pereira, de 28, foram presos na segunda-feira (16). O crime teria acontecido em julho, após a vítima furtar 30 gramas de maconha dos acusados. Após o acerto de contas, ocorrido na residência de Ana Maria da Silva, de 38 anos, também presa por suspeita de participação na tentativa de homicídio, a dupla acreditou que o jovem estava morto e o enterrou em uma vala na cidade de…