Pular para o conteúdo principal

Centro de dados da GOOGLE

Quem nunca quis saber como é funciona a grande empresa chamada GOOGLE, a qual grande parte do planeta está conectado? Como são suas instalações e seu maquinário? O site CONNIE ZHOU, especializado em arquitetura e fotografia, nos ajudou nesse impasse e criaram uma série mostrando o interior do centro de dados da empresa de Larry Page e Sergey Brin, donos da Google.


a2ba6b7cae366ca150b6137efcc2f714 Centro de dados da GOOGLE


01a424bdd670b56aa372d41702bd7413 Centro de dados da GOOGLE


a9cf8168172966888585c7f04c2723cf Centro de dados da GOOGLE


4685061e2a2035197960cd47c9fb9962 Centro de dados da GOOGLE


4dd2fc010db13ab51a30fe3267d3c4e4 Centro de dados da GOOGLE


e0fa7f33a13343f47bbb92d490216ba8 Centro de dados da GOOGLE


607dd26ead75c93d91503b0f94c921cc Centro de dados da GOOGLE


33be6423f67a3e89876a084a6eac2a14 Centro de dados da GOOGLE


3ea4e7a16e83754fee884c7d445d91eb Centro de dados da GOOGLE


e6675ec878b69786044048dbed5a73d1 Centro de dados da GOOGLE


5ff2710fb1c2bf7c1605dcd00d48e4a9 Centro de dados da GOOGLE


6abafdd81f7d8b72dd37b21b7cbf00ab Centro de dados da GOOGLE


29e879d1ba9bee692828c8345eb444e9 Centro de dados da GOOGLE


44c9beaae5a8ba8cf957344e431ae6c6 Centro de dados da GOOGLE


5b699ea1db00e5ae46fca64acd7e8bb7 Centro de dados da GOOGLE


23705aeaad29161a5a95c11f5f41b664 Centro de dados da GOOGLE
75fbc8350e4eec0da3733323a35c5b68 Centro de dados da GOOGLE

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Você sabe do que é feito e como é feito o chiclete?

É claro que você já mascou chiclete principalmente quando era criança! Mas você sabe de onde é feito chiclete? Como é feito?







    Eu, já ouvi pessoas dizendo que o chiclete vem do couro do boi...mas é claro que não é feito assim, pelo menos não hoje em dia!







      O chiclete não é uma coisa tão nova assim, antigamente, a um tempo que até hoje não se estima, os povos gregos tinham o costume de mascar resina de arvores, os mesmos usavam para estimular a salivação e assim limpar os dentes! Antes da colonização, no continente americano, a colonização europeia tinha o costume também, porém mascavam o látex do sapotizeiro, e era usada pelos Maias e Astecas e outras civilizações, e os mesmos davam o nome de Chicle.









       O chiclete que nós conhecemos hoje, surgiu no ano de 1872, quando Thomas Adams, fabricou o primeiro lote de chicletes em formato de bolas, porém estes não eram feitos de sapotizeiro, e sim aromatizado com resinas naturais do extrato de alcaçuz.

Os seis pratos mais sádicos de todo o Mundo

A maioria de nós ama um bom e suculento bife ou um belo frango assado né? E não é nenhum segredo que a vida de um animal indo para o matadouro não é de sorrisos e canções felizes. Isso é fato.

Mas vai que você se depara com uma comida que requer que o animal não esteja morto, mas que seja torturado de uma maneira terrível e diabólica bem no seu prato. Abaixo estão os exemplos que provam que, para alguns, a crueldade pode ser deliciosa.

ATENÇÃO: Algumas imagens perturbadoras, particularmente em # 1.

# 6.Ikizukuri

Origem:Japão
O que há de tão ruim nisso?Imagine que você está no Japão. Você quer aproveitar a viajem e experimentar a cozinha japonesa autêntica. Aviso: Esta pá de madeira com a imagem da Hello Kitty, não tem nada a ver com esta matéria. Ignore-a.



Você vai a um restaurante de sushi, e na hora do pedido, a primeira coisa que soar apetitoso é o que você vai pedir. Logo você vê uma confusão de sílabas japonesas que parece ser deliciosa: "Ikizukuri". Você pede. E só então, um…

A Verdade Sobre Chris McCandless, “Na Natureza Selvagem”

A Verdade Sobre Chris McCandless, Do Filme “Na Natureza Selvagem”
Quem nunca sonhou em jogar tudo pro alto e ir atrás do que se acredita? Quem já se pegou preso na rotina compulsiva do dia-a-dia, e já se questionou se as modernidades não atrapalham mais do que ajudam? Chris McCandless, famoso personagem do filme “Na Natureza Selvagem” (Into the Wild) fez o que muitos sonham e outros criticam. Ele largou tudo que tinha: seu diploma, seu carro, sua família e até sua conta bancária. Foi com uma mala em busca do grande sonho de se chegar ao Alaska. Conheça a pessoa por trás do filme de Sean Penn. Chris sobreviveu do que caçava e colhia no Alaska por mais de 100 dias Chris era um típico americano de classe-média alta, recém-formado e com problemas de relacionamento com os pais. Deixou tudo e saiu numa Odisseia solitária em busca do gélido Alaska, distante da civilização. O sucesso acadêmico de Chris apenas aguçou o vazio que ele percebia no materialismo da sociedade. Tendo realizado seu grand…