10 Drogas e seus efeitos

10-Heroína

A30100Heroin

A heroína é uma droga derivada da papoula, sintetizada a partir da morfina: substância bastante utilizada no século XIX pelas suas propriedades analgésicas e antidiarreicas. Como outras drogas originárias desta planta, a heroína atua sobre receptores cerebrais específicos, provocando um funcionamento mais brando do sistema nervoso e respiratório.Os efeitos observados são analgesia, sonolência, alterações de humor, confusão mental. Um aspecto importante da analgesia destes opiáceos é que ocorre sem perda de consciência. Quando administrada a uma pessoa com dor, a dor desaparece ou fica menos intensa, as extremidades parecem ficar pesadas e o corpo quente, a cara e especialmente o nariz podem originar comichão, e a boca fica seca.
Para o alívio da angústia, algumas pessoas sentem euforia.Quando administrada a alguém sem dor, nem sempre os resultados são agradáveis. Por vezes pode ocorrer disforia em vez da euforia, resultando numa leve ansiedade ou medo.Frequentemente ocorre náuseas e ocasionalmente vômitos  A turvação mental caracteriza-se pela sonolência e dificuldade de concentração, apatia, redução da capacidade física, redução da capacidade visual e letargia.

9-Cocaína



Erythroxylon coca é uma planta encontrada na América Central e América do Sul. Essas folhas são utilizadas, pelo povo andino, para mascar ou como componente de chás, com a função de aliviar os sintomas decorrentes das grandes altitudes. Entretanto, uma substância alcaloide que constitui cerca de 10% desta parte da planta, chamada benzoilmetilecgonina, é capaz de provocar sérios problemas de saúde e também sociais.
Na primeira fase da extração do alcaloide, as folhas são prensadas em ácido sulfúrico, querosene ou gasolina, resultando em uma pasta denominada sulfato de cocaína. Na segunda e última, utiliza-se ácido clorídrico, formando um pó branco. Assim, neste segundo caso, ela pode ser aspirada, ou dissolvida em água e depois injetada. Já a pasta é fumada em cachimbos, sendo chamada, neste caso, de crack. Há também a merla, que é a cocaína em forma de base, cujos usuários fumam-na pura ou juntamente com maconha.
Atuando no Sistema Nervoso Central, a cocaína provoca euforia, bem estar, sociabilidade. Pelo fato de que nem sempre as pessoas conseguem ter tais sensações naturalmente, e de forma intensa, uma pessoa que se permite utilizar esta substância tende a querer usar novamente, e mais uma vez, e assim sucessivamente.

O coração tende a acelerar, a pressão aumenta e a pupila se dilata. O consumo de oxigênio aumenta, mas a capacidade de captá-lo, diminui. Este fator, juntamente as com arritmias que a substância provoca, deixa o usuário pré-disposto a infartos. O uso frequente também provoca dores musculares, náuseas, calafrios e perda de apetite.
efeitos by: Brasil Escola

8-Metanfetamina


As metanfetaminas são substâncias relacionadas quimicamente com as anfetaminas e são um potente estimulante que afeta dramaticamente o sistema nervoso central. A droga é facilmente sintetizada em laboratórios clandestinos, sendo – conjuntamente com o ecstasy – uma das mais populares drogas sintéticas.
As metanfetaminas são chamadas comumente de ice, cristal, speed e meth, mesmo no Brasil. É apresentada geralmente como um pó branco, cristalino, com gosto amargo e é facilmente solúvel em água ou álcool. As metanfetaminas foram aperfeiçoadas originalmente no Japão e Alemanha, na Segunda Guerra mundial, e eram dadas a operários e combatentes de forma a espantar a fadiga no esforço de guerra. Até hoje é uma das drogas mais consumidas nos países orientais.È uma droga estimulante do sistema nervoso central (SNC), muito potente e altamente viciante, cujos efeitos se manifestam no sistema nervoso central e periférico. A metanfetamina tem-se vulgarizado como droga de abuso devido aos seus efeitos agradáveis intensos tais como a euforia, aumento do estado de alerta, da auto-estima, do apetite sexual, da percepção das sensações e pela intensificação de emoções. Por outro lado, diminui o apetite, a fadiga e a necessidade de dormir.

7-Crack




Forma menos pura da cocaína, o crack tem um poder infinitamente maior de gerar dependência, pois a fumaça chega ao cérebro com velocidade e potência extremas. Ao prazer intenso e efêmero, segue-se a urgência da repetição. Além de se tornarem alvo de doenças pulmonares e circulatórias que podem levar à morte, os usuários se expõem à violência e a situações de perigo que também podem matá-lo.Entre os efeitos podemos citar a intoxicação,fome,sono,lesões nos pulmões,degeneração dos ossos e músculos e impotência sexual.

Efeitos by:zero Hora 

6-LSD

Grande Fotos Lsd

Existem várias repercussões psíquicas relacionadas ao uso do LSD. Esta droga é uma das mais potentes existentes, provocando uma sensação de “fragmentação” de si mesmo e profundas alterações da percepção do mundo, suas cores, seus cheiros, seus sentidos. A dose necessária para provocar esta sensação é da ordem de microgramas. Um sintoma bastante descrito é a chamada “sinestesia”, em que o usuário tem a nítida sensação de “ver” a música, “ouvir” as cores, “cheirar” os sons, ou seja, uma modificação dos sentidos.A tolerância ao LSD ocorre muito rapidamente, mas também pode desaparecer em uma ou duas semanas, se nenhuma dose for utilizada. Essa droga pode induzir ou despertar sintomas psiquiátricos em pessoas predispostas, como alucinações, delírios, crises de pânico, sintomas depressivos, alterações persistentes da percepção visual. 
As crises de pânico, caracterizadas por grande ansiedade, medo de locais fechados, expectativas não realistas, são a principal complicação psiquiátrica do consumo do LSD.
efeitos by:uol


5-Êxtase

Ecstasy Pill Collage1
É um derivado sintético da anfetamina, conhecido como 3,4- metilenodioximetanfetamina (MDMA). Também é conhecido como "ecstasy", "XTC", "Adam" e "droga do amor". Pode ser classificado tanto como um psicoestimulante, semelhante a cocaína e as anfetaminas, como também ser agrupado com os alucinógenos, devido as alucinações e "flashbacks", que causa, quando usado em doses muito altas.Foi sintetizado na Alemanha, em 1914, como moderador do apetite, mas nunca foi comercializado. Na década de 70, essa droga era usada para fins de tratamento psicoterápico, mas quando o seu uso se tornou abusivo, promovendo lesões nos neurônios, passou a ser uma droga proibida.Os efeitos aparecem de 20 a 60 min após a ingestão de doses moderadas da droga (75-100mg)e durando 2 a 4 horas.
Em doses baixas pode ocorrer: taquicardia, hipertensão (pressão alta), tremores, trismo ou bruxismo (rigidez na mandíbula), diminuição do apetite, insônia, náusea, cefaléia (dor de cabeça)e sudorese. A maioria dos efeitos desaparecem em 24 horas.

4-Ópio


O ópio é produzido à partir deste suco resinoso, que é um látex leitoso e coagulado, que depois de seco, torna-se uma pasta de cor acastanhada, e então é fervida para transformar-se em ópio, que por sua vez tem um cheiro típico e desagradável, manifestando-se potencialmente com o calor, de sabor acre e amargo.
Atualmente, o ópio é ilegal e considerado uma das substâncias mais viciantes que existem, no entanto possui propriedades anestésicas, e por milhares de anos foi utilizado como sedativo e tranquilizante, e também ministrado como remédio para diarreia  gota, diabetes, disenteria, tétano, insanidade e ninfomania.Podemos citar os os seguintes efeitos:Vômitos, náuseas, ansiedade, tonturas, falta de ar, contração acentuada da pupila dos olhos, paralisia do estômago, prisão de ventre., palidez, perda de peso, membros pesados, queda da pressão arterial, alteração da freqüência cardíaca e respiratória, podendo chegar à cianose(cor azulada da pele), com o uso crônico poderá ocorrer intensificação de alguns sintomas, tais como: má digestão e prisão de ventre crônicas e problemas de visão devido à miose.
efeitos by:infoescola

3-Maconha

Cannabis-Sativa

A planta da maconha contém mais de 400 substâncias químicas, das quais 60 se classificam na categoria dos canabinoides, de acordo com o Instituto Nacional de Saúde. O tetra-hidrocarbinol (THC) é um desses canabinoides e é a substância mais associada aos efeitos que a maconha produz no cérebro. A concentração de THC na planta depende de alguns fatores, como solo, clima, estação do ano, época da colheita, tempo decorrido entre a colheita e o uso, condições de plantio, genética da planta, processamento após a colheita, etc., por isso os efeitos podem variar bastante de uma planta para outra.Depois de consumir a maconha, a pessoa pode apresentar alguns efeitos físicos, como memória prejudicada, confusão entre passado, presente e futuro, sentidos aguçados, mas com pouco equilíbrio e força muscular, perda da coordenação, aumento dos batimentos cardíacos, percepção distorcida, ansiedade, olhos avermelhados por causa da dilatação dos vasos sanguíneos oculares, boca seca e dificuldade com pensamentos e solução de problemas.
As pessoas que fumam maconha também estão suscetíveis aos mesmos problemas das pessoas que fumam tabaco, como asma, enfisema pulmonar, bronquite e câncer.

2-Cogumelo alucinógeno

800Px-Dried Cubensis

As drogas alucinógenas causam muitos efeitos, no entanto não são fáceis de prever, pois os efeitos diferem de pessoa pra pessoa . Os efeitos começam em cerca de uma hora após ter usado a droga e acaba ficando mais forte após três ou quatro horas e pode durar até 12 horas após o uso. Entre os efeitos estão no som e na visão, como ver cores muito brilhantes e também ouvir sons bastante agudos, algumas pessoas até se confundem vendo sons e ouvindo cores, pois os sentidos se atrapalham, o tempo também passa bem devagar, mudanças emocionais, cansaço, náuseas ou vômitos, problemas de coordenação, o humor também varia com altos e baixos.
efeitos by : info escola

1-PCP


Feniciclidina ou PCP. É produzida em laboratórios. É uma droga ilícita e alucinógena.
Apresenta-se na forma pura, o PCP é branco, um pó cristalino facilmente solúvel em água. Muitos PCP's podem conter substâncias que dão coloração desde um marrom claro a escuro e sua consistência pode variar de pó a uma pasta. Na maioria das vezes como pó ou líquido (o pó diluído). É normalmente aplicado a cigarros, de tabaco ou de maconha, para serem posteriormente fumados mas pode ser ainda inalado, ingerido ou injetado.
Esta droga é retida no organismo durante meses principalmente no tecido adiposo (gorduras).
Distorção da realidade, movimentos involuntários dos olhos, andar exagerado, perda de coordenação motora, insensibilidade, fala sem sentido e bloqueada, desinibição, aumento da pressão arterial, confusão mental e amnésia.Pode causar psicose, extrema distorção de imagens, sensação de invulnerabilidade. Seus usuários podem se tornar violentos causando problemas a terceiros ou a si próprios. Extremas reações psicóticas são associadas ao uso contínuo da droga mas já foram constatadas mesmo após um único uso. Podem ocorrer ainda os "flash-backs", como do LSD, mesmo depois de muito tempo do último uso da droga. Ainda pode trazer estado de coma ou convulsões, depressão respiratória e instabilidade cardiovascular.efeitos:drogas x jovens

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Você sabe do que é feito e como é feito o chiclete?

A Verdade Sobre Chris McCandless, “Na Natureza Selvagem”

Os seis pratos mais sádicos de todo o Mundo